Nesse momento, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo está perdendo por 1×0 para o Corinthians. Resolvi então deixar o jogo de lado e escrever esse artigo como forma de desabafo de um rubro negro acostumado a grandes conquistas e grandes ídolos.

Não parei de assistir ao jogo pela derrota, mas sim pela maneira que o Flamengo (a instituição) está sendo tratado nos últimos anos, o que chega ao ponto que estamos hoje no campeonato, com um time simplesmente incapaz de contratar um atacante de qualidade.

Para mim, que já torci por jogadores como Zico, Adílio, Andrade, Tita, Leandro, Júnior, Raúl, Nunes, Renato Gaúcho, Romário, Bebeto, Adriano, Vágner Love, entre tantos outros, assistir a contratações como Borja, Val Baiano e Jean é muito difícil. Mais difícil ainda é explicar para minha filha de 12 anos, que viu o Flamengo ser campeão brasileiro em 2009, que esse ano não temos um time para disputar nada.

Ela questiona, mas pai, cadê o Império do Amor? Cadê aquele time que dava alegria de torcer? É duro ouvir isso, principalmente no Dia dos Pais. Esse é o presente que meu time me reservou para esse dia “especial”.

flamengo, maracanã

O Flamengo é muito maior que o time que o representa atualmente.

Creative Commons License photo credit: aylamillerntor

Não vou levantar bandeira, dizer que a culpa é de A ou B. Pois a culpa passa por mim também, como torcedor, que não me mobilizo, que não exijo respeito no momento de contratações. Estamos falando do Flamengo, o time de maior torcida do mundo, 6 vezes campeão brasileiro, campeão da libertadores da américa, campeão mundial de clubes, 31 vezes campeão carioca.

Não interessa se hoje vamos ganhar ou perder do Corinthians, pois não temos time para brigar pelo título. Esse é o quadro. Não temos esquema tático, não temos ataque. Pois um ataque com Borja e Val Baiano, sem ofensas, é muito pouco para o tamanho do mengão.

E você, o que acha do time atual do Flamengo?

Desabafo de um rubro negro acostumado a grandes conquistas
Rate this post
facebook

Sempre Flamengo

Torcedor fanático do Flamengo. Uma vez Flamengo, sempre Flamengo.
Comentar

COMENTÁRIOS (1)

  1. Luis Marcos Leite

    08/08/2010

    Horrível, Gustavo. Os laterais foram apáticos: Léo Moura, não deu seus dribles desconcertantes, como de costume e Juan, errou passes demais no jogo. Vimos um Pet sem inspiração e um ataque fraquíssimo. Resta ver se Leandro Amaral e Renato Abreu vão dar um ânimo novo pra este time. Mudando de assunto: pelo menos meu final-de-semana foi divertido: ganhei presentes dos filhos, da esposa e num amigo secreto da família. Voltando ao assunto: os papais corinthianos é que ganharam o presente do seu time com a vitória de 1 a 0 mesmo. Vamos esperar que a Diretoria do Flamengo reaja, preferencialmente arrumando também um novo técnico à altura do hexacampeão brasileiro porque com Rogério Lourenço não dá.

    Responder

Deixe uma resposta