O Flamengo venceu o Fluminense por 3×1 nesse domingo, pelo campeonato carioca 2013 e, mesmo eliminado, conseguiu dar alegria a nação, afinal, quem não gosta de vencer um rival?

Notas da equipe

Confira abaixo as notas da equipe

FELIPE – GOLEIRO
Bem protegido pela zaga, trabalhou pouco. Quando exigido, correspondeu. Foi seguro nas saídas de gol e fez duas defesas difíceis no segundo tempo. Não teve culpa no gol tricolor.
Nota: 6,5

LÉO MOURA – LATERAL-DIREITO
Fez sua melhor partida pelo clube em muito tempo e relembrou os bons momentos. Preciso na assistência para o primeiro gol, constante no apoio e firme na marcação. Foi facilmente driblado por Carlinhos no gol do Fluminense.
Nota: 7,5

GONZÁLEZ – ZAGUEIRO
De volta ao time titular, mostrou muita segurança e assim como Renato Santos anulou os adversários. Foi preciso nos desarmes.
Nota: 7,0

RENATO SANTOS – ZAGUEIRO
Foi seguro na marcação e não deu espaços para os atacantes adversários. Bem na bola aérea e nas antecipações.
Nota: 7,0

RAMON – LATERAL-ESQUERDO
Depois de três meses sem jogar, teve um retorno regular ao time titular. Procurou apoiar, mas deu espaços na marcação. Em boa parte do segundo tempo, jogou como ponta e teve dificuldades.
Nota: 5,5

AMARAL – VOLANTE
Eficiente na marcação, não foi afoito como em outras partidas. Cumpriu bem seu papel, mas na parte final do jogo cometeu alguns erros.
Nota: 5,5

ELIAS – VOLANTE
Foi bem na marcação e na abertura de bola para os laterais. Mostrou eficiência nos passes e puxou contra-ataques.
Nota: 6,5

LUIZ ANTONIO – VOLANTE
Entrou no lugar de Elias e ficou em campo apenas durante os acréscimos.
Sem nota

RENATO ABREU – MEIA
Escalado pela primeira vez na temporada como armador, distribuiu bem a bola, apesar de alguns erros de passe, e também procurou se aproximar do gol. Categoria na cobrança de pênalti para marcar o segundo gol e oportunismo no terceiro.
Nota: 8,0

GABRIEL – MEIA-ATACANTE
Junto com Renato, foi o melhor do time. Com a camisa 10, iniciou a jogada do primeiro gol e foi muito participativo. Procurou armar a equipe e teve boa movimentação. Também voltou para marcar. Saiu aos 16 do segundo tempo para a entnrada de João Paulo.
Nota: 8,0

JOÃO PAULO – LATERAL-ESQUERDO
Entrou mal ma partida, e teve enorme dificuldade para conter os avanços de Wellington Nem. Melhorou na parte final da partida e quase fez um gol em chute cruzado.
Nota: 4,5

RAFINHA – ATACANTE
Dos homens de ataque, foi o mais discreto. Não consgeuiu sair da marcação dos defensores do Fluminense e nem acertou dribles. Por outro lado, ajudou na marcação e sofreu o pênalti que originou o segundo gol.
Nota6,0

HERNANE – ATACANTE
Em uma semana em que levou até bronca de Jorginho em treino, o Brocador conseguiu desencantar e acabou com o jejum de cinco jogos. Boa colocação para marcar o primeiro gol. Fez bem o papel de pivô e teve muita raça. Em alguns momentos, se atrapalhou com a bola. No segundo tempo, acertou o travessão. Saiu para a entrada de Cleber Santana.
Nota: 7,0

CLEBER SANTANA – MEIA
Entrou para jogar improvisado como atacante, mas teve dificuldades. Melhorou o toque de bola da equipe, que era muito pressionada.
Nota: 5,5

JORGINHO – TÉCNICO
Foi bem na escolha por González na zaga e Renato Abreu no meio-campo. O time ganhou mais experiência e segurança. Acertou no posicionamento de Gabriel, que teve liberdade para se deslocar por todo o campo. A postura da equipe também foi diferente de outros jogos. A dedicação dos jogadores chamou a atenção. No segundo tempo, no entanto, errou ao improvisar Ramon como ponta e lançar João Paulo na lateral esquerda. O time passou apuros na etapa final. Foi chamado de burro pelos torcedores.
Nota: 6,0

Melhores momentos e gols

Fique agora com os melhores momentos e os gols da partida.

Flamengo venceu o Fluminense por 3×1, veja os gols
Rate this post
facebook

Sempre Flamengo

Torcedor fanático do Flamengo. Uma vez Flamengo, sempre Flamengo.

Deixe uma resposta