Depois de quase um ano de negociações, o Flamengo finalmente finalizou a venda de Samir para o Udinese, da Itália. O zagueiro foi negociado por cerca de R$ 16 milhões (4 milhões de euros), e o Rubro-Negro vai receber o equivalente a R$ 8 milhões por ser dono de 50% dos direitos federativos do jogador. A outra metade é fatiada entre o banco BMG (30%), o Audax-RJ (10%) e o próprio Samir (10%).

samir-flamengo-juventus

O camisa 4 vai se transferir nesta próxima janela, que abre no dia 4 de janeiro, porém não irá de imediato para o Udinese. Em seus primeiros seis meses, será emprestado ao Granada, da Espanha, para disputar a segunda metade da temporada europeia. A ideia é que ele vá para a Itália somente depois desse período de experiência. Tanto o Udinese quanto o Granada são controlados pelo magnata italiano Giampaolo Pozzo.

A venda coloca fim a uma novela que se arrasta desde o início de 2015, quando o time de Udinese fez sua primeira investida por Samir. Na ocasião, o Flamengo pedia o equivalente a R$ 20 milhões (5 milhões de euros), no entanto, o jogador e seu pai foram contra e travaram o negócio. Houve mais um forte contato pelo zagueiro em maio, e no decorrer do ano foi criado um bom relacionamento entre os clubes, muito em função do empréstimo de Armero pelos italianos ao Fla. Assim, o Rubro-Negro diminuiu a pedida para R$ 16 milhões, mas somente para o Udinese. Para outros clubes interessados, o valor exigido ainda era de R$ 20 milhões.

Perto de completar 21 anos, Samir era uma das prioridades de venda do Flamengo há algum tempo. Nesta temporada, o clube arrecadou menos do que esperava com negociação de atletas.

Em quase dois anos de Ninho do Urubu, o zagueiro fez 92 jogos e marcou quatro gols. Após começar 2015 como titular, ele teve uma temporada abaixo do esperado, assim como todo o time, e está terminando o Campeonato Brasileiro como reserva de César Martins e Wallace.

Flamengo vende Samir para a Udinese-ITA
Rate this post

Jordano Freitas

Tu és time de tradição, raça amor e paixão, oh meu mengoo!

Deixe uma resposta