O Flamengo realizou manobra nos bastidores e conseguiu dar condições de jogo a Emerson Sheik, liberado para entrar em campo em partida contra o Cruzeiro, às 21h desta quinta-feira, no Maracanã.

O atacante, com isso, evita suspensão imediata no Campeonato Brasileiro por ter ofendido o árbitro Wilton Pereira Sampaio no último dia 26 de agosto, durante intervalo do clássico com o Vasco (1 a 1).

O Flamengo já havia recorrido da sentença dada pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva). Agora o caso vai ao Pleno, em que o clube buscará a absolvição do atacante. A pena de Sheik pode ser mantida, diminuída ou até aumentada no próximo julgamento.

emerson-sheik-comemora-o-seu-gol-marcado-contra-o-atletico-pr-no-campeonato-brasileiro-1439425159972_615x300

“Ele tem condições de jogo até o próximo julgamento, que será marcado. Acredito no prazo de pelo menos uns 15 dias em razão de o Pleno no STJD não se reunir todas as semanas. Vamos tentar a absolvição, mas se o Sheik for punido, terá que cumprir. O próximo estágio não aceita efeito suspensivo e, tampouco, outros recursos. Era importante para o jogo de hoje (quinta-feira, contra o Cruzeiro), pois o time está muito desfalcado. É mais um motivo para animar a torcida”, explicou Michel Asseff Filho, advogado do Flamengo.

Em sessão realizada na terça-feira (8), os auditores do STJD lembraram que Sheik era reincidente, já que desabafou contra a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) quando jogava pelo Botafogo, em 2014.

A ofensa contra o árbitro resultou em um jogo de suspensão. “Tem que arrumar é o juiz, que é muito fraco. Esse juiz é uma m…, m…”, atacou Emerson no intervalo da partida entre Flamengo e Vasco, pela Copa do Brasil.

Sheik irá jogar contra o Cruzeiro
Rate this post

Jordano Freitas

Tu és time de tradição, raça amor e paixão, oh meu mengoo!

Deixe uma resposta